top of page

DRONE MATRICE 300 É UTILIZADO POR MAIS DE 270 HORAS EM DESLIZAMENTO NA NORUEGA

Os drones se tornaram ferramentas cruciais durante o maior desastre de deslizamento de terra da história da Noruega, se tornando um ótimo reforço na busca e salvamento de pessoas desaparecidas e ajudando centenas.



Em situações de desastre, os socorristas costumam assumir os mesmos riscos de ameaça à vida que as próprias vítimas. Os primeiros socorros utilizando drones da DJI aumentam as chances de sucesso nas operações de resgate e salvam mais do que as vidas das vítimas, minimizando todo risco da operação.


A chamada para heróis


Quando o profissional Kenny Åserud respondeu à chamada de emergência em 30 de dezembro de 2020 às 4h, ele não esperava que fosse o início da missão de resgate mais longa e desafiadora que sua equipe já enfrentou.


A escala da situação apareceu rapidamente: este foi o maior desastre de deslizamento de terra na história da Noruega, abrangendo dois (2) quilômetros quadrados e afetando a aldeia de Ask em Gjerdrum. Com temperaturas de até -23 ° C, Kenny e seus colegas precisariam localizar os sobreviventes o mais rápido possível e arriscar sua própria segurança no processo.


Crédito da foto: Anders Martinsen, UAS Noruega

Os serviços de emergência noruegueses são treinados para usar drones em missões de resgate para obter uma visão detalhada do local do desastre. Os objetivos principais são mapear a localização de possíveis sobreviventes e marcar os riscos potenciais para os próprios socorristas. Diante de uma área tão grande de devastação, a assistência de drones seria inestimável.


Quando os helicópteros de resgate transportaram os primeiros sobreviventes para um local seguro, os operadores de drones lançaram DJI Matrice 300 RTK para começar a mapear a área, permitindo que o centro de comando coordenasse a busca a uma distância segura. Com drones continuamente no ar pelos próximos 40 dias, está se tornou a maior operação de resgate de drones da Europa até hoje.


“Este foi um incidente único que levou a uma das maiores operações de resgate na Noruega. Garantir que todos tenham o mesmo entendimento da operação é sempre importante, mas difícil. Os drones nos ajudaram com esse desafio. Além disso, eles entregaram dados de sensores aéreos de alta qualidade para monitorar o deslizamento de terra para que pudéssemos continuar a operação com segurança a qualquer hora. - Jørgen Lunde Ronge, Superintendente de Polícia, Distrito Policial de Oslo.

Drones podem ver o que os humanos não podem


Como o espaço aéreo foi inicialmente ocupado apenas por helicópteros, o primeiro lançamento de drones só foi possível após o anoitecer, quando a visão humana e as imagens de câmeras convencionais eram praticamente inúteis. No entanto, os drones que foram implantados utilizaram a câmera térmica Zenmuse H20T para criar um mapa de alta resolução no escuro.


Nicholas Newhouse, um dos operadores de drones, também enfatizou outro benefício importante do mapeamento infravermelho: o tamanho de arquivo reduzido das imagens infravermelhas em comparação com as fotografias tradicionais. Isso permite um tempo de processamento menor, dando aos trabalhadores de resgate a oportunidade de trabalhar com o mapa finalizado apenas cinco horas após o lançamento inicial do drone. Na verdade, levou apenas uma hora para que as imagens infravermelhas fossem processadas em um mapa 3D acabado depois que os drones pousaram. O mapa foi então disponibilizado a todos os serviços de emergência envolvidos na missão, fornecendo-lhes as informações de que precisavam para navegar com segurança no local do desastre no escuro.


Crédito da foto: Nicholas Caprino Newhouse, Andøya Space

“A criação de ortomosaicos e modelos 3D como ferramenta de busca e resgate, com os sensores H20T em um Matrice 300 RTK foram uma combinação indispensável para esta missão exigente.” Nicholas Caprino Newhouse, piloto líder espacial de Andøya


O modelo 3D da área, finalizado nas primeiras 24 horas, provou ser uma informação valiosa, pois forneceu uma consciência situacional abrangente para garantir uma operação de resgate segura e protegida.



“Ter acesso a mapas precisos, atualizados e de alta resolução de uma área de desastre em um período tão curto foi sem precedentes.” - Dan Richard Isdahl-Engh, analista de dados espaciais de Andøya


A consciência situacional é inestimável


Ter um mapa ajuda a obter uma impressão detalhada da situação e dos possíveis perigos. No entanto, após um deslizamento de terra, um grande risco para sobreviventes e equipes de resgate é a integridade estrutural do solo, o que pode levar a deslizamentos de terra subsequentes. Para avaliar quaisquer riscos a esse respeito, vários mapas são criados em intervalos periódicos.

O DJI Matrice 300 RTK permite rotas de voo fixas pré-planejadas, o que torna a comparação dos resultados do mapeamento muito mais fácil, já que as posições e pontos de referência a partir dos quais o solo foi levantado não mudaram a cada voo como se as fotos tivessem sido tiradas de um helicóptero. Isso permite uma análise precisa das mudanças no ambiente que apontam para riscos estruturais no solo.


Um modelo 3D interativo da área auxiliou na conscientização situacional das equipes de resgate. Mapa 3D por Andøya Space

O software de navegação avançado no DJI Matrice 300 RTK também tornou muito mais fácil a cooperação entre drones e helicópteros, que muitas vezes estavam no ar simultaneamente. Este software, em conexão com uma excelente estratégia de comunicação, eliminou o risco de encontros perigosos entre os diferentes tipos de aeronaves no espaço aéreo compartilhado.


De acordo com Dan Richard Isdahl-Engh, que era o analista de dados usando mapas de drones para obter consciência situacional para a missão de resgate, ao ter acesso a mapas precisos, atualizados e de alta resolução de uma área de desastre em um período tão curto de o tempo era sem precedentes. Em desastres naturais anteriores, a equipe precisaria esperar pelas imagens de satélite que ofereciam apenas imagens estáticas de baixa resolução e desatualizadas.


Com a medição de volume, foi possível quantificar a quantidade de terra que foi movida Mapa de Volume por: Espaço Andøya.

Os drones permitem as equipes de resgate irem além, sem arriscar a segurança de seu pessoal


Os helicópteros são vitais para recuperar sobreviventes rapidamente, mas não são ideais para missões de mapeamento devido ao seu estreito campo de visão e à quantidade de turbulência criada por suas pás do rotor. Detritos revirados de casas e objetos destruídos representam uma ameaça à segurança dos trabalhadores de resgate e, em temperaturas abaixo de zero, o ar frio agitado pode torná-lo insuportável para o pessoal no solo. Os drones são muito mais adequados para esse tipo de missão.


Mesmo que o solo em Ask fosse principalmente lama, que bloqueava muito do calor de qualquer coisa enterrada profundamente nele, com a visão térmica Zenmuse H20T, os operadores do drone ainda foram capazes de identificar o sinal de calor de um cão preso 22 horas após o início da operação. Como o helicóptero de resgate demorou algum tempo para chegar ao local do cão, um drone DJI Matrice 300 RTK foi implantado para pairar sobre o local para garantir que o cão ficasse parado e o marcou com um holofote constante até que o cão fosse levantado em segurança. Isso destaca outra característica do DJI Matrice 300 RTK - os operadores de drones ficavam continuamente impressionados com suas capacidades de tempo de voo e longa duração da bateria, mesmo em temperaturas constantes abaixo de zero.


Uma demonstração de como o DJI Matrice 300 RTK foi utilizado e maximizado na operação de resgate do maior desastre de deslizamento de terra da história da Noruega.

No geral, a missão durou mais de 40 dias, nos quais as equipes de resgate estavam prontas para arriscar sua própria segurança para salvar outras pessoas. Eles foram apoiados por mais de 270 horas de voo de drones, fornecendo aos trabalhadores de resgate imagens aéreas em tempo real e aos analistas mapas precisos da situação que eles poderiam usar para avaliação de risco e análise preditiva.


De acordo com a equipe de resgate, o uso de drones DJI permitiu que eles ultrapassassem os limites da operação e fizessem coisas antes impensadas; como por exemplo, usar drones como ferramentas improvisados ​​para quebrar janelas através das quais um segundo drone poderia voar. Mesmo que os drones DJI não devam ser usados ​​dessa forma, eles destacam o verdadeiro benefício dos drones para operações de resgate: a capacidade de fazer o que for preciso para salvar vidas sem arriscar a saúde e a segurança da equipe de resgate.



“Mesmo com baixa visibilidade, os drones ainda eram capazes de funcionar. As pessoas ainda podiam fazer seu trabalho enquanto os drones estavam no ar! ” Morten Helgesen, bombeiro Gjerdrum


Ajuda de cima


O componente mais importante de qualquer missão é um conjunto abrangente de informações. Ele estabelece as bases para cada operação e garante que as decisões sejam tomadas de maneira assertiva. Em uma missão como esta, que durou mais de 40 dias em condições extremas, com temperaturas de até -23 ° C e ventos de até 67 KM / H, as equipes de resgate precisam de tantas informações confiáveis ​​quanto possível para tornar sua missão um sucesso.


Crédito da foto: Anders Martinsen, UAS Noruega

A missão de resgate em Ask, Gjerdrum foi aquela na qual bombeiros, policiais, militares, operadores de drones, pilotos de helicóptero, analistas, Espaço Andøya, Instituto Geotécnico Norueguês e até mesmo residentes trabalharam juntos para salvar vidas. Foi uma demonstração profundamente comovente de resistência e bondade humana. As pessoas vieram com alimentos, bebidas e apoio emocional para as equipes de resgate. Na véspera de Ano Novo, um garotinho ofereceu seus chocolates, dizendo que a equipe de resgate precisava mais do que ele. Uma ilustração perfeita de como esta comunidade deu tudo o que podia para apoiar esta operação.


DJI tem orgulho de ter feito parte desse esforço coletivo para salvar vidas e ajudar a proteger a segurança dos socorristas e equipes de resgate.


Crédito da foto: Anders Martinsen, UAS Noruega



A a organização de Drone na Noruega, UAS Norway, desempenhou um papel central em garantir que a segurança do voo e a integração de drones de vários operadores, tripulados e não tripulados, otimizando-os nos dias após o deslizamento. Eles trabalharam como um ponto de conexão entre os provedores de serviços espaciais nacionais (NASP), a autoridade da aviação (CAA) e o comandante de incidentes da polícia para garantir que os drones pudessem ser usados ​​tanto quanto possível, muitas vezes lado a lado entre não tripulados e tripulados.





Possui alguma dúvida sobre a tecnologia dos drones ? Fique a vontade para nos mandar um WHATSAPP para conversar diretamente conosco!! :D


A Drone Visual possui uma das maiores lojas de Drones do Brasil, possuímos todos os drones da linha Mavic além de todos os produtos DJI e principais drones do mercado, acessórios e softwares disponíveis para a aplicação profissional.

Acesse nossa loja e confira nossos produtos: CLIQUE AQUI.


SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS PARA ESTAR SEMPRE ATUALIZADO SOBRE OS DRONES E SUAS TECNOLOGIAS EMBARCADAS.


A Drone Visual é uma das melhores escolas profissionalizantes de drones no Brasil, temos curso que vão desde 1 dia de operação básica, até 10 dias com 80 horas de conteúdo passando todo o conhecimento de operação, aplicativos de voo como o DJI GO 4.0, legislação, mapeamento topográfico, agrícola, inspeções, manutenção de drones e muito mais.

Não fique fora do mercado de Drones com um conhecimento básico, faça um curso de capacitação e se torne um profissional qualificado a trabalhar em um dos setores que mais cresce no mundo.


Acesse nossa página e confira todos os detalhes de nossos presenciais, EAD e ON-LINE: CLIQUE AQUI.


DEIXE SUAS DÚVIDAS E COMENTÁRIOS ABAIXO.


Fonte [DJI]


Posts recentes

Ver tudo

Escola de Drones - Cursos de Piloto

Interessado em Drones? O que acha de iniciar um curso de capacitação profissional nessa area que não para de crescer no Brasil e no mundo inteiro. Com variadas aplicações e diversos beneficios os Drones serão muito utilizados por todos no futuro, não perca tempo!!

A Drone Visual é a primeira empresa no Brasil a possuir cursos exclusivos online, teóricos e práticos na área de Drones, voltados a empresas e profissionais que desejam entrar nesse mercado. 

Possuímos um campo de Treinamento próprio com áreas abertas, seguras, os melhores profissionais e equipamentos a sua disposição.

 

Venha nos visitar e conheça a maior escola de Drones !

mavic_mini_2_folded-0.jpg

Loja

Revendedor Oficial DJI
dbf837a3d36495aadcb9c2d94e0c3479.jpg

Mavic

Drone portátil com recursos profissionais

Sem título.png

Matrice

Drone empresarial

airzusofficial2.jpg

Phantom

Drone para mapeamento aéreo

maxresdefault.jpg

Agras

Drone para Pulverização Agrícola

bottom of page